Veja a história de atleta que saiu da Ilha do Retiro e fez história

Em destaque na goleada do Brasil por 4×0 sobre o Panamá na Copa do Mundo feminina, a meio-campista Ary Borges possui uma relação próxima com Pernambuco. Originária do Maranhão, a atleta teve uma passagem pelo Sport, conquistando o bicampeonato pernambucano em 2017 e 2018.

Em sua estreia em Copas do Mundo representando a seleção brasileira, a jogadora marcou três gols, tornando-se a quarta brasileira a realizar um “hat-trick” no torneio.

“Nem nos meus melhores sonhos. Foi um dia muito especial, um misto de emoções. Fiquei feliz, ansiosa, chorei, enfim, fiquei pensando o que poderia fazer na partida. Nunca imaginei que seria da forma que foi. Estou muito feliz pelos três gols, mas muito mais pela grande partida que o time fez.”

Ariadina Alves Borges, conhecida como Ary Borges, nasceu em São Luís, Maranhão, e mudou-se para São Paulo aos 10 anos. Durante sua infância, foi cuidada pela avó, e foi somente ao chegar à capital paulista que teve contato com seus pais, que haviam se mudado em busca de uma vida melhor na cidade.

Carreira profissional

Seu início no futebol aconteceu nas categorias de base do Centro Olímpico. Apesar de a mãe estar prestes a se tornar uma atleta, foi o pai quem a envolveu ao levá-la para os campos de futebol. A partir de 2017, aos 18 anos, Ary Borges foi contratada pelo Sport e tornou-se bicampeã do Campeonato Pernambucano nos anos de 2017 e 2018.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Foi em Pernambuco que Ary recebeu sua primeira convocação, participando da Copa do Mundo Sub-20 de 2018, na França, representando a seleção brasileira. Em seguida, transferiu-se para compor o elenco do São Paulo, onde alcançou ainda mais reconhecimento.

Em 2021, mudou-se para o rival Palmeiras, contribuindo para o vice-campeonato do Brasileiro. No ano seguinte, em 2022, conquistou sua primeira Libertadores. No final desse mesmo ano, Ary vivenciou uma mudança significativa em sua carreira com o anúncio de sua contratação pelo clube americano Racing Louisville.

Já na Seleção Brasileira principal, Ary estreou em 2020, conquistando a Copa América de 2022, realizada na Colômbia. Sua convocação para a primeira participação em uma Copa do Mundo surgiu naturalmente, refletindo o desempenho destacado que a atleta vinha apresentando.