SPORT deixou o VITÓRIA no chinelo no mercado de transferências

Não era segredo para ninguém o interesse do Vitória em contratar, pelo menos, mais um goleiro para a temporada seguinte. Até o momento, nomes como Hugo Sousa (Flamengo), Halls (Vasco), Ivan (Corinthians) e Caíque França (Ponte Preta) surgiram como possíveis reforços para o Leão. No entanto, um dos candidatos não deve mais ter Salvador como destino.

Isso é assegurado pelo jornalista Luiz San Martin, do BNews. Segundo suas apurações, o Sport “atravessou” o rubro-negro baiano e ofereceu um salário 35% maior para Caíque França, que aceitou o acordo. Aos 28 anos, o goleiro estava comprometido com o Vitória, mas sua trajetória acabou se direcionando para a Ilha do Retiro.

O goleiro Caíque França formalizou a rescisão contratual com a Ponte Preta. Apesar de ter contrato vigente até o final de 2024, chegou a um acordo com a diretoria para deixar o clube campineiro e integrar o Sport. Caíque destacou-se como o principal jogador da Ponte Preta na última temporada, desempenhando um papel fundamental na prevenção do rebaixamento do time.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Quem é?

O goleiro conquistou o título da Série A2 do Campeonato Paulista com a equipe campineira, totalizando 93 jogos disputados e 88 gols sofridos. O goleiro, de 28 anos, estava na Ponte Preta desde 2022 e é produto das categorias de base do Corinthians. Antes de sua passagem pelo futebol campineiro, teve uma experiência no Oeste.

Em resposta às críticas, o recém-chegado goleiro leonino, Caíque França, ressaltou a responsabilidade que é defender a equipe pernambucana.

“Quando eu ainda estava começando no futebol, eu assisti ao Magrão jogar. Conheço ele, sei do grande goleiro que ele foi e a grande carreira que ele fez aqui no Sport. Eu fico feliz com esse desse tipo de cobrança e exigência. Acho que é algo que fortalece e impulsiona para você crescer no dia a dia e ultrapassar os seus próprios limites.”