Lenda do SPORT RECIFE FALECEU de COVID

O ex-atacante do Sport, Irani, faleceu em dezembro de 2020, vítima da Covid-19. Figura importante na década de 90, marcada por grandes conquistas do Leão, ele tinha 44 anos e estava internado no Hospital Getúlio Vargas, em Recife.

Natural do bairro da Várzea, no Recife, Irani Pereira de Brito inicialmente atuava como meia avançado. No entanto, devido à sua boa estatura, passou a ser utilizado como atacante, destacando-se pelo Sport na Copa São Paulo de Futebol Júnior de 1997, quando o clube chegou às quartas de final.

Emprestado naquele ano para Internacional e Guarani, Irani retornou em 1998 e foi o responsável pelos dois gols que garantiram o título do Campeonato Pernambucano sobre o Porto. Esse jogo marcou a maior presença de público da história da Ilha do Retiro, com 56 mil pessoas.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

História marcante

Formando dupla com Leonardo, considerado um dos maiores atletas da história do Sport, Irani ainda contribuiu para as conquistas estaduais de 1999 e 2000, além do título da Copa do Nordeste em 2000. Durante sua passagem pelo clube, marcou 17 gols com a camisa rubro-negra.

Sua trajetória com o Leão iniciou-se em 1997, destacando-se na Copa São Paulo de Futebol Júnior, contribuindo para levar o Sport às quartas de final da competição. Nas redes sociais, o clube expressou pesar pelo ocorrido e prestou condolências aos familiares.