Coordenador do Sport Recife TRETOU com FRED

A notícia da chegada de Ricardo Drubscky pegou os torcedores do Sport de surpresa, sendo oficialmente apresentado como o novo coordenador de futebol. O mineiro de 63 anos, conforme destacado pelo presidente Yuri Romão, integra o Sport devido à sua vasta experiência, acumulando 27 anos de carreira em diversas funções, como preparador físico, auxiliar técnico, gerente e coordenador de futebol, além de treinador.

Ricardo Drubscky assume a responsabilidade de ser o elo entre o campo e a direção do clube, desempenhando uma função que não lhe é estranha. Ao longo de sua carreira, ele alternou entre trabalhos como treinador e gestor, evidenciando um perfil administrativo.

Em diversos momentos, assumiu equipes durante transições de comando, proporcionando estabilidade. Em 2017, Drubscky desempenhou o papel de coordenador técnico no América-MG, contribuindo para a campanha que resultou no acesso do clube à Série A, culminando com o título da Segunda Divisão brasileira.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

TRETA com FRED

Ricardo Drubscky foi demitido após dirigir o Fluminense por apenas oito jogos, em uma passagem meteórica em 2015, sendo substituído coincidentemente por Enderson Moreira. A rápida saída do treinador não se deveu apenas aos resultados insatisfatórios; ele enfrentou desentendimentos com Fred, o atacante da equipe.

Durante o período de treinamento em Mangaratiba, no Rio de Janeiro, antes do início do Campeonato Brasileiro, Drubscky e Fred entraram em conflito. O treinador não conseguiu impor sua autoridade sobre o elenco, e a derrota expressiva para o Atlético tornou a situação insustentável.

Os dirigentes tricolores se depararam com duas opções: aguardar mais algumas derrotas na Série A antes de trocar o treinador ou demitir Drubscky imediatamente. Concluíram que, diante do cenário desfavorável, a ausência de sintonia com o atacante tornava improvável uma reação do Fluminense em campo.