Absurdo: Lista GIGANTE de jogadores que entraram na Justiça contra o Sport

Uma das tarefas que o presidente eleito do Sport, Leonardo Lopes, teve que enfrentar em sua nova gestão foi a questão jurídica. Ao todo, 13 atletas que já haviam deixado o Leão ingressaram com ações judiciais, juntamente com dois ex-treinadores, Milton Cruz e Daniel Paulista.

Considerando os valores que foram tornados públicos, o montante total cobrado alcançou R$ 11,2 milhões. Essa quantia refere-se às dívidas de sete jogadores, enquanto os outros seis não tiveram seus valores divulgados.

A maior pendência que o Sport tinha era com o zagueiro Ronaldo Alves, que na época jogava no Guarani. O defensor, que esteve no time rubro-negro de 2016 a 2019, cobrava salários vencidos, férias, luvas, 13º salário e não recolhimento do FGTS, totalizando a quantia de R$ 4.105.680,00.

A segunda maior dívida era do atacante Hernane Brocador, que se transferiu para o Confiança-SE. As quatro temporadas que o centroavante passou na Ilha do Retiro geraram uma dívida de R$ 2.460.920,00.

Segundo o último balanço financeiro do Sport, divulgado em maio daquele ano, o clube apresentava um passivo acumulado de R$ 200 milhões. Apenas em obrigações tributárias, eram R$ 63,5 milhões, além de R$ 38,4 milhões em dívidas trabalhistas.

A lista negra

O vice-presidente Yuri Romão, responsável pela parte financeira da gestão de Leonardo Lopes, afirmou que trabalharia em conjunto com o departamento jurídico do clube para resolver essas pendências.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

“A  tarefa de organizar o departamento financeiro hoje está comigo e com algumas outras pessoas. A gente vai começar a fazer um diagnóstico de como está o clube. O que temos a receber, a pagar. O jurídico também vai ser bem envolvido, porque tem muita coisa pra ver na parte de impostos, a parte fiscal. Vamos analisar e fazer um e começar a colocar em prática um plano de ação de curto, médio e longo prazo. Pra cada estágio desse, vamos ter um plano de ação.”
Jogadores que entraram com ações judiciais contra o Sport em 2021:

  • Ronaldo Alves: R$ 4,1 milhões
  • Hernane Brocador: R$ 2,4 milhões
  • Jonathan Gomez: R$ 2,3 milhões
  • Renteria: R$ 1,2 milhões
  • Lucas Mugni: R$ 900 mil
  • Marcos Serrato: R$ 277 mil
  • Philip: R$ 38 mil
  • Ewandro: Valor não revelado
  • Neto Moura: Valor não revelado
  • Kaio: Valor não revelado
  • Yago: Valor não revelado
  • Patric: Valor não revelado
  • Raul Prata: Valor não revelado
  • Milton Cruz: Valor não revelado
  • Daniel Paulista: Valor não revelado