Veja o MILAGRE que o Santa Cruz precisa para salvar seu ano

A Federação Pernambucana de Futebol (FPF) divulgou alterações no critério de classificação para a Série D do Campeonato Brasileiro via Estadual. Nesta temporada, as duas vagas permanecem, mas com uma para o campeão e outra para a equipe de melhor desempenho na fase inicial.

Diferentemente de 2023, quando as vagas para a Série D foram concedidas às duas melhores equipes da primeira fase fora das divisões superiores, agora o sistema prioriza o campeão e o melhor colocado na fase inicial. No ano anterior, Retrô (vice-campeão) e Petrolina (4º colocado) garantiram suas participações na Série D. O Santa Cruz, 5º colocado, ficou sem divisão.

As exceções na nova regulamentação da FPF aplicam-se ao Sport e ao Náutico, que competem nas Séries B e C, respectivamente. Se um dos dois conquistar o título estadual, a vaga na Quarta Divisão será destinada ao vice-campeão. Em caso de uma final entre Sport e Náutico, a vaga será concedida ao 3º colocado, e assim sucessivamente.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Cenário

De acordo com a entidade que coordena o futebol no Estado, o 3º colocado será a equipe derrotada na semifinal com a melhor pontuação na fase inicial. O 4º lugar será ocupado pela equipe eliminada na outra semifinal.

O 5º lugar será o clube com a maior pontuação entre os vencidos nas quartas de final, enquanto o 6º lugar será o outro eliminado na mesma fase. Da 7ª à 10ª posição, ficarão os times eliminados na primeira fase do torneio.

No ano de 2023, o Santa Cruz foi eliminado nas quartas de final do Campeonato Pernambucano pelo Petrolina. Adicionalmente, os times pernambucanos Sport, Retrô e Petrolina garantiram suas classificações para a Copa do Brasil. Vale destacar que Náutico e Sport já estavam previamente classificados nas Séries C e B, respectivamente.