Thiago Neves se envolveu em várias polêmicas no SPORT RECIFE

Dentro de campo, a passagem de Thiago Neves pelo Sport foi marcada por altos e baixos, o que gerou divisão de opiniões entre os torcedores. Fora das quatro linhas, ao longo do ano em que esteve no clube, o meia seguiu o padrão estabelecido em suas equipes anteriores, acumulando polêmicas, inclusive críticas direcionadas à diretoria na última semana, mesmo após sua saída do Leão.

Fundamental para a permanência do Sport na Série A de 2020, Thiago Neves não teve um bom início na temporada seguinte, assim como o clube, que enfrentou dificuldades tanto dentro quanto fora de campo, incluindo atrasos salariais e uma disputa política que resultou na ausência de um presidente por um mês.

Diante da turbulência nos bastidores, o jogador, insatisfeito, cogitou rescindir seu contrato e deixar o clube em julho. Nesse ponto, Thiago já havia disputado oito jogos pelo Sport e não poderia atuar por outra equipe na Série A.

Além de permanecer no clube, Thiago Neves assumiu o papel de porta-voz de um acordo estabelecido pela nova diretoria com o elenco: a suspensão de 30% dos salários dos jogadores, montante que seria pago ao final da temporada, junto com a premiação prevista para a eventual permanência do clube na Série A.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Maior polêmica

A maior polêmica envolvendo Thiago Neves ocorreu quando foi mencionado por um torcedor nas redes sociais como um dos atletas que estariam “tumultuando o ambiente” no Leão, que já enfrentava dificuldades na Série A.

Thiago Neves respondeu à postagem, argumentando que estava fazendo o possível para ajudar o Sport, inclusive comprando frutas para os atletas, chuveiros para o CT e equipamentos para a academia de musculação e o departamento de fisioterapia do clube.

Após a confusão ser externalizada, Thiago Neves postou uma indireta à diretoria do Sport Recife: “Não aceite críticas construtivas de quem nunca construiu nada!” Após vários problemas e derrotas em campo, o clube convocou o jogador e seu agente para uma reunião, na qual alcançaram um consenso para a rescisão contratual.