Sport VOLTOU a ter artilheiro CRIA da BASE

Aos 22 anos, Mikael destacou-se como um dos principais jogadores do Sport em 2021, encerrando a temporada como o artilheiro do Rubro-negro, com 15 gols em todas as competições. Com essa marca, o centroavante tornou-se o principal goleador da equipe pernambucana em um único ano, algo que não acontecia desde 2010, quando Ciro finalizou a temporada como artilheiro, com 31 gols.

Vale ressaltar que Ciro também havia sido o maior goleador do Sport em 2009, com 15 gols. Embora Mikael não tenha sido titular absoluto ao longo da temporada, participando de 50 jogos, sendo 13 como reserva, sua contribuição foi significativa.

Ele perdeu espaço, especialmente com a chegada de André no início da Série A, mas ainda assim deixou sua marca em momentos importantes. Dos 15 gols marcados, oito foram no Brasileirão, cinco no Campeonato Pernambucano, um na Copa do Nordeste e um na Copa do Brasil.

Passou de lavada

É notável que Mikael se destacou em relação aos demais artilheiros do Sport em 2021, já que nenhum deles alcançou o número expressivo de gols do jovem atacante. O segundo colocado, Paulinho Moccelin, marcou apenas três vezes, enquanto nove jogadores completam o top cinco com dois gols cada (Gustavo, Thyere, Zé Welison, Thiago Lopes, Thiago Neves, André, Neilton, Adryelson e Toró).

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Os gols de Mikael em 2021 foram distribuídos da seguinte forma:

  • Brasileirão: 8 gols (contra Athletico, Ceará, América-MG, 2x Atlético-GO, Juventude, Grêmio e Bahia)
  • Pernambucano: 5 gols (contra Náutico, Sete de Setembro, Vitória, Santa Cruz e Salgueiro)
  • Copa do Nordeste: 1 gol (contra o Treze)
  • Copa do Brasil: 1 gol (contra a Juazeirense)

O atacante foi vendido logo em janeiro seguinte para a Salernitana da Itália, entrando na lista das 3 maiores vendas do clube.

1º) Gustavo, meia (Al-Ahli-EAU; 2022) – R$ 11,85 milhões

2º) André, atacante (Grêmio; 2018) – R$ 10,00 milhões

3º) Mikael, atacante (Salernitana-ITA; 2022) – R$ 9,91 milhões