Sport Recife HUMILHOU o Bahia. VEJA!

Os 9.709 torcedores que enfrentaram uma noite chuvosa no Recife e estiveram na Ilha do Retiro, além dos outros milhares que acompanharam pela televisão, testemunharam um jogo histórico nesta Quarta-feira de Cinzas.

A goleada do Sport por 6 a 0 sobre o Bahia repetiu os dois maiores placares já registrados na história do confronto quase centenário, que reúne as duas maiores torcidas do Nordeste, o último ocorrido há quase 64 anos.

Com gols de Bé, Raul Bentancor, Traçaia e três de Osvaldo, o Sport também aplicou um 6 a 0 sobre o Bahia pela Taça Brasil de 1959. Curiosamente, naquela ocasião, o placar elástico não teve grande impacto, uma vez que o Tricolor de Aço, após vencer o primeiro jogo em Salvador por 3 a 2, também triunfou no jogo desempate na Ilha do Retiro por 2 a 0, conquistando a classificação. O Bahia acabaria como campeão da competição nacional.

Demais goleadas

A outra goleada por 6 a 0, favorável ao Sport, ocorreu no Torneio Pernambuco-Bahia de 1956, com gols de Naninho (2), Traçaia (2), Eliézer e Gringo. Em 22 de fevereiro de 2023, Luciano Juba e Vagner Love (duas vezes cada), além de Jorginho e Sabino, também escreveram um capítulo histórico.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Por sua vez, a maior goleada a favor do Bahia no retrospecto contra o Sport aconteceu em 1945, com um expressivo 6 a 1 em Salvador, em uma partida amistosa. Quatro dos seis maiores placares a favor do Esquadrão nos confrontos contra o Rubro-negro pernambucano foram em jogos amistosos. Em competições oficiais, a maior vitória do Bahia foi o 4 a 0 pela Copa do Nordeste de 2021.

O clube pernambucano, além das três goleadas por 6 a 0 já mencionadas, também possui a seu favor um 5 a 1 em um amistoso de 1970 e um 4 a 1 pela Copa Sul-Americana de 2015.