SPORT perdeu pontos devido AQUELA confusão contra o Vasco?

O Sport foi sancionado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva nesta quarta-feira em um julgamento que se estendeu por mais de seis horas, devido à invasão de campo por alguns torcedores durante o empate por 1 a 1 com o Vasco.

O time carioca foi declarado vencedor da partida por 3 a 0, e o Leão recebeu a penalidade de oito mandos de campo com portões fechados, além de uma multa de R$ 180 mil. Com essa decisão, o Vasco encerra a Série B em terceiro lugar, totalizando 64 pontos, ultrapassando o Bahia.

O Sport permanece na sétima posição, agora com 56 pontos. A Ilha do Retiro foi temporariamente interditada pelo STJD por tempo indeterminado. Conforme a determinação da CBF, as punições com perda de mandos de campo do Sport serão aplicadas na Série B de 2023.

Outras punições

Tendo já cumprido uma partida de suspensão na vitória por 5 a 1 sobre o Operário, o Rubro-negro jogaria sete partidas na edição de 2023, praticamente todo o primeiro turno com portões fechados em seus compromissos como mandante.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O goleiro Carlos Eduardo também foi julgado, recebendo uma suspensão de quatro jogos por agredir o massagista do Vasco, enquanto o diretor de futebol Augusto Carreras foi absolvido. Todas as decisões foram em primeira instância, com a possibilidade de recurso.

Além da penalização ao Sport, o atacante Raniel, autor do gol de empate do Vasco, e o meia Luiz Henrique foram punidos com a pena mínima de duas partidas de suspensão, que já foram cumpridas. Halls foi suspenso por quatro partidas devido a agressão.