Soso tem grande problema e terá que se “virar nos 30”

A situação do Sport pode não ser das melhores no momento. A equipe pernambucana, chegou a ocupar as primeiras posições da Série B, porém está na sétima colocação da tabela no momento, longe do G4.

A fim de driblar a má fase, o elenco do Leão segue se preparando para encarar o Paysandu na próxima segunda-feira (10). Contudo, o técnico Mariano Soso tem um grande problema em mãos para resolver antes do duelo pela nona rodada.

Desfalques para Soso

A situação é complicada: o treinador será obrigado a fazer mudanças na equipe titular para dar fim às três derrotas consecutivas e voltar a se aproximar da parte de cima da classificação. Para o duelo, o treinador não contará com um atacante, um meia e um lateral, precisando pensar em alternativas que deem conta do recado em casa.

Chrystian Barletta segue no Departamento Médico tratando um desconforto muscular. Pedro Lima, por sua vez, está com a Seleção Sub-20, e o meia Titi Ortiz terá que cumprir suspensão após ter recebido o terceiro cartão amarelo.

Contudo, nem tudo é desespero. Soso terá o retorno dos atletas Felipe, Zé Roberto e Alan Ruiz, trazendo um pouco de alívio para o elenco.

Diante dos desfalques, as opções para os onze iniciais terão que incluir improvisações. O volante Fabrício Dominguez pode ser deslocado para a lateral, enquanto Fábio Matheus e Ruiz devem ocupar o meio-campo. Roberto Rosales também surge como alternativa para a lateral.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Possível Escalação

De acordo com o Blog do Torcedor, a provável escalação do Sport deve ser: Caíque França; Dalbert, Luciano Castán, Rafael Thyere e Domínguez (Rosales); Fábio Matheus (Domínguez), Felipe e Ruiz; Lucas Lima, Romarinho e Gustavo Coutinho.

O técnico Mariano Soso terá que se “virar nos 30” para montar uma equipe competitiva. A situação exige criatividade e estratégia, e a torcida espera ver um time que lute até o último minuto. A partida contra o Paysandu é crucial para retomar o caminho das vitórias e ganhar confiança na busca pelo acesso.

A pressão é grande, mas a convicção no trabalho de Soso e no potencial do elenco ainda é forte. Cada jogo é uma nova batalha, e a esperança de que os caminhos da vitória voltarão a aparecer permanece viva.

O que Está em Jogo

O Sport precisa urgentemente de um resultado positivo para não se distanciar do G-4 e para aliviar a pressão sobre a comissão técnica.

O jogo contra o Paysandu, além de ser uma oportunidade de recuperação, será um verdadeiro teste de resiliência e capacidade de adaptação para Soso e seus comandados.

Na segunda-feira, a Arena de Pernambuco será palco de um jogo que pode definir o rumo do Sport na Série B. Com desfalques importantes, o Leão terá que mostrar sua força e determinação para superar mais esse desafio. Que venha o Paysandu, e que o Sport possa encontrar novamente o caminho das vitórias.