Ex-meia do Sport recebe salário MILIONÁRIO no país de CR7

Em 2020, o volante Anselmo assinou uma renovação milionária de contrato com o Al-Wehda, da Arábia Saudita, mesmo em meio à pandemia do coronavírus. O jogador brasileiro estendeu seu vínculo até o final de 2024, com um valor total aproximado de R$ 80 milhões para esse período.

A decisão de renovar foi tomada para assegurar a permanência do atleta diante do interesse de clubes asiáticos no volante. Antes de fechar o novo acordo, o empresário do jogador, Vinicius Prates, recebeu propostas de alguns clubes asiáticos, todas recusadas. O novo contrato tem duração de três anos, uma extensão em relação ao vínculo anterior, que se encerraria no final de 2021.

Anselmo foi contratado pelo Internacional em maio de 2016, durante a gestão de Argel Fuchs, para a disputa do Brasileirão. O clube acabou sendo rebaixado naquele ano. Ao todo, o jogador disputou 33 partidas com a camisa colorada. Em 2017 e 2018, atuou por empréstimo no Sport.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Destaque e saída do Leão da Ilha

O volante Anselmo, destacado no Campeonato Brasileiro como jogador do Sport, foi transferido em 2018 para o Al-Wehda, da Arábia Saudita – o mesmo clube que tinha na época o técnico do Corinthians, Fábio Carille, e o meia Romulo Otero, do Atlético-MG.

A venda foi realizada por 3 milhões de euros (R$ 13,6 milhões), dos quais 70% foram destinados ao Internacional, detentor da maior parte dos direitos econômicos de Anselmo, enquanto o Joinville-SC ficou com os 30% restantes.

O Palmeiras, como clube formador do atleta, também terá direito a uma porcentagem do montante, conforme o mecanismo de solidariedade da Fifa. Na época, o meio-campista de 29 anos acumulava 25 jogos e sete gols pelo “Leão”.