Carlinhos Bala AGREDIU, foi EXPULSO, mas disse ser CRISTÃO

O atacante Carlinhos Bala foi o protagonista do confronto entre Caruaru City e Barreiros, mas não apenas por suas habilidades com os pés. Aos 42 minutos, o “Rei de Pernambuco” desferiu uma cotovelada no volante Henrique, resultando em um cartão vermelho direto durante o jogo da segunda divisão do Campeonato Pernambucano.

Na ocasião, o Barreiros liderava por 1 a 0, com um gol originado, inclusive, de um escanteio cobrado por Bala. O árbitro Hugo Soares Dias interpretou que o atacante, de 42 anos, agrediu intencionalmente o adversário com a cotovelada. O vídeo revela que os dois jogadores já estavam se chocando quase simultaneamente.

O volante Henrique, do Caruaru City, também recebeu um cartão vermelho, mas não sofreu lesões. Além disso, o técnico Thyago Marcolino, da equipe de Caruaru, foi expulso por reclamações.

O experiente atacante, com passagens por Sport, Náutico, Santa Cruz e Cruzeiro, afirmou ser cristão e negou ter desferido a cotovelada no adversário com a intenção de causar ferimentos.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O que disse?

O jogo encerrou-se com o triunfo do Barreiros por 1 a 0, mantendo viva a sua disputa por uma vaga na próxima fase da Série A2 do Campeonato Pernambucano.

“Eu como cristão, eu acho que não foi intenção nenhuma dar a cotovelada no rapaz. Se fosse antigamente, até diria que era de propósito. Não é da minha índole. O juiz foi infeliz, não aconteceu, nem da minha parte, nem da dele. Conversei com ele e pedimos desculpa.”

Depois de passagens notáveis pelo Náutico, Santa Cruz e Sport, Carlinhos Bala resolveu arriscar a carreira atual em outro esporte. Agora, ele assume a função de kicker em uma equipe de futebol americano.