ADIDAS pintou o Flamengo como campeão de 87 e SPORT processou

A Adidas causou polêmica ao lançar o uniforme do Sport Club Recife em 2017. Um dos detalhes da camisa apresentava a frase “O Brasil é teu”, fazendo referência a uma declaração de um jornal nordestino que celebrava a conquista do módulo amarelo da equipe, que contava com equipes consideradas inferiores às do módulo verde. O jornal também afirmou que o time rubro-negro nordestino foi o campeão daquele ano.

Diante da reação negativa da torcida do Flamengo, a Adidas Brasil tentou amenizar a situação, afirmando que considera tanto o Flamengo quanto o Sport campeões de 87. No entanto, essa tentativa de reconciliação não agradou ao presidente do Sport, que decidiu processar a marca alemã. O presidente emitiu uma nota oficial em seu site, destacando que ninguém está acima da lei.

“Diante da infeliz publicação da Adidas Brasil em seu perfil na rede social Twitter sobre o título de 1987, o Sport Club do Recife informa que vai tomar todas as medidas cabíveis e necessárias perante a Adidas e o Poder Judiciário, no sentido de que seja respeitada a decisão transitada em julgado no STF, inclusive com a devida reparação civil aplicável ao caso. Decisões judiciais devem ser respeitadas e ninguém está acima da Lei, nem a Adidas.”

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Mudança de parceria

No ano seguinte, o Sport teria uma nova fornecedora de material esportivo: a norte-americana Under Armour vestiria o Leão. O contrato, anunciado em janeiro, teria uma duração de quatro temporadas, com valores próximos a R$ 12 milhões por ano, o dobro do que era pago pela Adidas.

A marca alemã havia sido parceira do Rubro-Negro desde 2014, mas não apresentou uma proposta para renovar o contrato. O clube tinha a intenção de estender o fornecimento, sem custos, com a Adidas até junho do ano seguinte, quando começaria o contrato com a Under Armour.

O Sport tornou-se o terceiro clube de futebol a ser patrocinado pela Under Armour no Brasil, juntando-se ao Fluminense e ao São Paulo como parceiros da marca.