SPORT passou a humilhar todos em disputas de pênaltis

Em menos de três dias, os torcedores rubro-negros enfrentaram duas decisões de pênaltis consecutivas. Na Arena de Pernambuco, o Sport saiu vitorioso do confronto da semifinal contra o Santa Cruz, neste sábado (16), pelo Campeonato Pernambucano.

Além disso, na última quarta-feira (13), também derrotou o Murici, na segunda rodada da Copa do Brasil, ambos os jogos decididos nas penalidades. Essa sequência de êxitos nos pênaltis representa uma virada em relação ao histórico recente, que vinha desfavorável desde 2020, com cinco derrotas em seis disputas.

Após a conquista do Campeonato Pernambucano de 2019, destacando-se a atuação do ex-goleiro rubro-negro Maílson, o Sport enfrentou dificuldades nas decisões por pênaltis. Em 2020, durante a pandemia da COVID-19 e sem a presença de público, o Leão foi eliminado nas quartas de final da Copa do Nordeste pelo Fortaleza, no Barradão. Após empate sem gols no tempo regulamentar, o Fortaleza venceu por 4×1 nas penalidades.

Confrontos recentes

Já em 2021, o Sport quebrou um longo tabu contra o Náutico em decisões, mas acabou perdendo para o mesmo rival no Campeonato Pernambucano daquele ano. Após empate por 1×1 no tempo regulamentar, o Náutico levou a melhor por 5×3 nos pênaltis, conquistando o título nos Aflitos.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

No ano seguinte, outra derrota nos pênaltis no estadual, desta vez contra o Salgueiro, após empate em 2×2 na Ilha do Retiro, com derrota por 4×2 nas penalidades. O ano de 2023 não foi memorável para os rubro-negros, marcado por duas grandes decepções nos pênaltis.

Na final da Copa do Nordeste contra o Ceará, o Sport venceu por 1×0 no tempo normal, mas acabou derrotado por 4×2 nos pênaltis, com destaque para a atuação do goleiro Richard. No confronto das oitavas da Copa do Brasil contra o São Paulo, após uma vitória por 3×1 fora de casa, o Sport perdeu nos pênaltis por 5×3, apesar do bom desempenho nos 90 minutos.

A exceção durante este período foi a vitória sobre o CSA, nas quartas de final da Copa do Nordeste de 2022. Após empate sem gols no tempo regulamentar, o Sport venceu por 3×1 nos pênaltis, garantindo a vaga na fase seguinte.