Qual o retrospecto do confronto entre SPORT e BAHIA

O embate, carregado de história, é um reflexo de uma rivalidade que remonta ao século passado. Representando dois estados que competem em diversos aspectos, inclusive no Carnaval, Esquadrão e Leão já foram protagonistas de duelos memoráveis nos campos de futebol.

O primeiro encontro entre as equipes ocorreu em 25 de fevereiro de 1932, no Campo da Avenida Malaquias, em Recife (PE). Naquela ocasião, o recém-fundado Esporte Clube Bahia derrotou o Rubro-Negro pernambucano por 2 a 1.

O retrospecto geral do confronto favorece o Esquadrão de Aço. Em 99 jogos, sendo 58 oficiais, foram registradas 40 vitórias baianas, 29 empates e 30 vitórias pernambucanas. Nas duas finais de Copa do Nordeste em que se enfrentaram (2001 e 2017), o Bahia levou a melhor.

Histórico recente

No entanto, o histórico recente do clássico favorece amplamente ao Sport. Nos últimos cinco anos (de 2018 a 2023), as equipes se enfrentaram em 11 oportunidades, com o Rubro-Negro vencendo oito confrontos, contra três do Tricolor.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Curiosamente, não houve nenhum empate durante esse período. O último encontro, em especial, ainda ecoa entre os torcedores do Bahia. Na quinta rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste do ano passado, o Leão da Ilha dominou completamente o rival, aplicando uma goleada por 6 a 0, em Recife.

Na época, Luciano Juba defendia as cores do Sport e marcou dois gols na partida. Sua transferência para o Bahia, ocorrida em setembro de 2023, intensificou ainda mais a rivalidade entre os clubes. Em seu segundo ano sob o comando do Grupo City na gestão da Sociedade Anônima do F