Goleiro Magrão apareceu “do nada” na Ilha do Retiro ano passado

O lendário ídolo Magrão fez uma surpreendente aparição na Arena de Pernambuco em outubro de 2023. O ex-goleiro, que agora tem 46 anos, está aposentado e reside na Itália, mas participou de um jogo em um evento privado no estádio, situado na Região Metropolitana do Recife.

Nesse jogo exclusivo, Magrão compartilhou o campo com alguns outros ex-jogadores do Sport, como o antigo atacante Carlinhos Bala, o ex-zagueiro César Lucena e o ex-lateral-direito Diogo. Todos eles foram parte da memorável campanha que resultou no último título brasileiro do Leão, a Copa do Brasil de 2008.

Magrão encerrou sua carreira em campo em 2019, representando o Sport em uma partida na qual, infelizmente, não chegou a sair do banco de reservas. Após esse episódio, nunca mais voltou a atuar profissionalmente.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

O ex-goleiro, figura icônica e um dos maiores ídolos do clube rubro-negro, teve uma saída conturbada do time, chegando a acionar o Leão na Justiça. Em decorrência dessa situação, nunca teve a oportunidade de ter um jogo de despedida oficial.

Relembre o processo da Justiça

Após ingressar com uma ação judicial solicitando a rescisão indireta do contrato devido a salários atrasados, o goleiro Magrão e o Sport chegaram a um acordo na tarde desta terça-feira. Inicialmente pleiteando R$ 1.016.853,16 em compensação pelo atraso salarial, o ídolo rubro-negro e o clube entraram em consenso, resultando na redução do valor da ação para R$ 1.875.000,00.

Esse montante será dividido em 44 parcelas fixas, começando no próximo mês, sendo que cada parcela terá o valor de R$ 42.613,66. Além disso, o contrato entre o goleiro e o Leão será rescindido de maneira imediata.