Deixou o Sport e agora está levando vida dos sonhos na Arábia

Mailson, ex-goleiro do Sport, vive uma verdadeira transformação na Arábia Saudita. Desde agosto de 2022 no Al-Taawon, o arqueiro se deparou com uma realidade que supera qualquer expectativa. Em um dia comum no vestiário do estádio Prince Abdullah Bin Jalawi, prestes a enfrentar o Al Fateh, ele recebeu a notícia que balançou o mundo do futebol: Neymar havia se transferido do PSG para o Al-Hilal.

“Lembro que estávamos no vestiário e falaram que Neymar tinha fechado com o Al-Hilal. Todo mundo começou a falar: ‘É sério? É sério? Não é possível'”, contou Mailson em entrevista exclusiva, imitando o tom de surpresa dos companheiros.

A Nova Era do Futebol da Arábia

A chegada de Neymar é um reflexo de uma nova era no futebol saudita, que busca se posicionar como um dos centros do esporte mundial. Recepcionado por 67 mil pessoas no Estádio Rei Fahd, Neymar se juntou a um elenco estelar que inclui nomes como Cristiano Ronaldo, Mané, Benzema, Kanté e Roberto Firmino. Mailson, de perto, viu essa revolução começar.

Desde sua chegada ao Al-Taawon, Mailson ajudou o clube a alcançar o quinto lugar na última temporada e agora, após dois jogos disputados, o time aparece em oitavo lugar.

“Quando surgiu a proposta da Arábia, não posso mentir, vim por conta do salário, mas não esperava essa evolução. Não imaginava ter que enfrentar Mané, Cristiano Ronaldo”, revelou.

Financiados pelo Fundo Soberano da Arábia Saudita (PIF), os clubes da Saudi Pro League estão investindo pesado para se destacar no cenário global. Dos 20 clubes que mais gastaram na última janela de transferências, quatro são sauditas.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Foram R$ 3 bilhões investidos em contratações, com o objetivo de colocar a liga entre as 10 melhores do mundo até 2030. A hipérbole dos números ilustra a ambição desenfreada do projeto.

Momentos de Glória

No evento de abertura da Liga para a temporada de 2023/24, Mailson teve um momento de reflexão e deslumbre. “Eu cheguei lá e estavam todas as estrelas. Teve uma hora que pensei: o que está acontecendo aqui? Olhei para o lado tinha Mané, no outro tinha o Benzema. Ali, na minha cabeça, eu estava um menino. Passou um filme na cabeça, de onde eu vim, onde cresci. Estar junto com eles, falando eles…”, disse, com um sorriso solto no rosto.

Mailson terminou o campeonato saudita como o segundo goleiro menos vazado, um feito notável que evidencia sua evolução e adaptação ao novo ambiente.

A jornada de Mailson, que começou nas categorias de base do Sport, tomou um rumo inesperado, levando-o a enfrentar algumas das maiores estrelas do futebol mundial.

O futuro de Mailson na Arábia Saudita é promissor e repleto de possibilidades. A metáfora da “estrada aberta” reflete bem a fase atual de sua carreira, onde cada partida é uma nova oportunidade de brilhar.

Enquanto isso, ele continua vivendo seu sonho, um dia de cada vez, com a gratidão e a surpresa de quem sabe que a vida é cheia de surpresas e reviravoltas.