BOMBA: Obras do Leão na Ilha do Retiro serão paralisadas imediatamente

A Ilha do Retiro está atualmente em meio a um intenso processo de modernização, com maquinário pesado, entulhos e funcionários em constante atividade. No entanto, toda essa movimentação pode ser interrompida a qualquer momento.

O estádio do Sport está passando por uma significativa modernização, incluindo a substituição do gramado e a instalação de um novo sistema de iluminação, com um investimento milionário. A direção do clube admite a possibilidade de pausar as obras devido à punição imposta pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que resultou na perda de oito mandos de campo devido ao incidente com o ônibus do Fortaleza.

Isso acarreta em um prejuízo estimado em R$ 4 milhões, levando o clube a considerar a necessidade de interromper os trabalhos na Ilha do Retiro. A notícia sobre essa possível paralisação foi divulgada pela Rádio Jornal e posteriormente confirmada pelo portal ge através da assessoria de comunicação do clube.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Sport vai ficar “pianinho”?

O Sport pretende contestar a decisão e buscar reverter a pena através de um recurso ao Pleno do STJD. No entanto, mesmo se obtiver sucesso e as obras puderem continuar normalmente, os prazos para a conclusão da modernização foram estendidos.

Embora os custos da obra tenham sido mantidos em R$ 8 milhões desde o início, o prazo para a conclusão das obras foi ajustado. Inicialmente prevista para abril, a conclusão da modernização agora está programada para agosto. Isso significa que, nessa fase, a temporada da Série B já estará além da metade.

“Não sabíamos que iríamos encontrar. Encontramos tubulações da época de inauguração do estádio, com manilhas de concreto. Até guardamos algumas para o museu do clube porque são realmente peças históricas.”