Atacante do Sport já foi flagrado com narguilé e bebidas

Jogando atualmente pelo Sport Recife, o atacante João Peglow enfrentou um grande problema durante sua passagem por um clube anterior. A situação ocorreu enquanto estava emprestado pelo Internacional ao Atlético Goianiense, durante o ano de 2022.

Ganhou destaque nas redes sociais ao ser flagrado em uma festa que envolvia o uso de narguilé e consumo de bebidas alcoólicas.

Os torcedores do Atlético-GO expressaram indignação diante das imagens, compartilhando críticas por meio das redes sociais. O presidente Adson Batista compartilhou uma mensagem de um torcedor atleticano que enviou uma repreensão direta ao jogador.

“João Peglow, não adianta mandar amiguinho “advogado” intimidar a torcida! Você é pessoa pública. Os vídeos são de conhecimento do clube, inclusive do presidente. Adson Batista, a resposta que queremos é dentro de campo.” O jogador acabou sendo dispensado do clube goiano.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

A carreira do atleta


Excluído dos planos de Mano Menezes no Internacional, Peglow concretizou sua mudança para o Dnipro, da Ucrânia, em janeiro. Lá, participou de 15 partidas, contribuindo com três gols e duas assistências. Recentemente, ganhou destaque ao envolver-se em uma briga durante o jogo do título contra o Shakhtar. Anteriormente, o jogador foi emprestado para Porto e Atlético-GO.

Sua passagem pelo Sport Recife, anunciada em agosto com um contrato até o final de 2023, registrou 12 jogos, todos pela Série B, com dois gols e uma assistência. Peglow foi regularizado simultaneamente com o meia argentino Alan Ruiz.

Produto da base do Internacional, sempre foi considerado uma aposta valiosa para o futuro. Em sua temporada mais destacada até o momento, em 2020, participou de 21 jogos, marcando dois gols e fornecendo três assistências pela equipe principal.