A boa notícia para o Sport depois dos vexames

O Sport vive um dos momentos mais delicados da temporada 2024. Três derrotas seguidas na Série B, somadas às eliminações na Copa do Brasil e na Copa do Nordeste, acenderam a luz de alerta sobre o desgaste físico e mental da equipe. Em um intervalo de 16 dias, o Leão disputou seis partidas, o que resultou em um futebol abaixo do esperado e na queda na tabela.

Período do Sport

Para reverter essa situação, o time terá um período de 10 dias de descanso e recuperação antes do próximo jogo contra o Paysandu, no dia 10 de junho. Essa pausa será crucial para que os jogadores se reabasteçam fisicamente e mentalmente, buscando retomar o bom futebol que os caracterizava no início da temporada.

“É um momento muito difícil. Viemos de duas derrotas muito difíceis e se pegar o Brasileirão, perdemos duas também. É um momento complicado e de se fechar mais ainda. Nada do que falar aqui vai resolver. Temos que assumir a responsabilidade nesse momento difícil. Sabemos que estamos abaixo do que já apresentamos na temporada. É fato. E onde podemos mudar é dentro de campo, trabalhando”, disse o zagueiro e capitão Rafael Thyere após a dolorida derrota por 3 a 0 para o Goiás, na última sexta-feira (30).

O confronto com o Paysandu, que está na parte de baixo da tabela, será uma oportunidade para o Sport se reabilitar e voltar a brigar pelo G-4. O técnico Mariano Soso terá tempo para ajustar a equipe e definir a estratégia ideal para conquistar a vitória.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Whatsapp, Telegram ou acesse nossas comunidades.

Após o jogo contra o Paysandu, o Leão terá mais uma partida em casa, contra o Mirassol, antes de iniciar uma nova série de quatro jogos em dez dias. Essa maratona de jogos exigirá ainda mais dos jogadores, por isso o período de descanso e recuperação será fundamental para o sucesso do time na busca pelo acesso à Série A.

“Temos tempo para treinar, pra sermos muito autocríticos dos últimos jogos, que não refletem a identidade que temos. Temos qualidade de jogadores, modelo de jogo que eles estão convencidos e em desenvolvimento. Temos que virar a página. Temos que continuar trabalhando com o profundo convencimento que vamos mudar”, avaliou o treinador argentino.

O calendário de junho será decisivo para o Sport. Após o confronto contra o Paysandu, o time enfrenta o Mirassol no dia 16, seguido por Ceará, Novorizontino e Botafogo-SP.

Calendário do Sport em Junho:

  • 10/06: Sport x Paysandu
  • 16/06: Sport x Mirassol
  • 20/06: Ceará x Sport
  • 24/06: Sport x Novorizontino
  • 29/06: Botafogo-SP x Sport

Em suma, o Sport enfrenta um momento crítico, mas o período de descanso antes do próximo jogo pode ser a chave para a recuperação.

A combinação de autocrítica e treinamento intenso, juntamente com a estratégia certa, pode fazer o time retomar o caminho das vitórias e alcançar seus objetivos na temporada.